Notícias


Publicado em:
10
12/2018

Revestimento para piscina: qual utilizar?

Dos mais requintados aos mais simples, os revestimentos estão disponíveis para todos os gostos e bolsos.



Metatags: Expolazer & Outdoor Living, Piscinas, Revestimentos, Azulejos, Pastilhas, Cerâmicas, Vinílicos, Pedras
Pixabay

São muitas as opções de revestimentos para piscinas, entre elas os tradicionais azulejos, pastilhas de vidro, cerâmicos, vinílicos e pedras. O profissional responsável pela obra deve estar atento às especificações dos fabricantes, assim como à forma de execução e aos materiais de fixação, assentamento e rejuntamento.

Azulejos: Com certeza o revestimento mais vendido para piscinas, eles possuem máxima impermeabilização e opções variadas para desenhos e gravuras, além de permitirem a montagem de mosaicos.

São relativamente baratos em comparação aos outros revestimentos e sua aplicação em piscinas é simples e idêntica a dos banheiros, por exemplo. No caso de contratação de mão de obra especializada, o custo fica também mais em conta. A dica é checar a cor do azulejo antes da instalação, pois ela irá interferir na cor da água.

Pastilhas de vidro: Mais um produto que permite a criação de mosaicos personalizados e tem boa durabilidade. Também muito comuns no revestimento para piscinas, as pastilhas de vidro são um pouco mais caras que os azulejos e a instalação mais demorada. Acompanhe de perto a colocação das pastilhas, pois as peças por serem pequenas, podem se soltar se não estiverem fixadas corretamente com argamassa e rejunte específico para esse fim.

Cerâmicas especiais para piscinas: Quem optar pelas cerâmicas terá uma grande variedade de tipos. Elas podem ser esmaltadas ou de aspecto fosco, além de resistirem melhor aos raios UV e à própria água clorificada da piscina. Esses materiais são a primeira opção para piscinas públicas, de academias ou com grande movimentação de usuários. Tanto o rejunto quanto a argamassa usadas na colocação das peças podem ser encontrados com função antibacteriana, o que dificulta o crescimento de germes, fungos e mantém a aparência da piscina mais higiênica.

Vinílicos: Cada vez mais utilizados na construção civil, os vinílicos também são úteis para as piscinas prontas. A boa notícia é seu uso como revestimento para piscinas de alvenaria também. Nesse caso, a piscina é construída e o vinil é aplicado depois, diretamente sobre o concreto. O resultado é uma piscina com aspecto mais uniforme e relativamente mais barata. Outra vantagem é o fato do vinil dispensar o uso do rejunte e sua limpeza ser mais simples e prática.

Pedras: Bem menos comuns do que os revestimentos já citados, as pedras também são uma opção para as piscinas. Com aparência rústica e durabilidade alta, é possível revestir a piscina com pedras vulcânicas, por exemplo. Na hora de escolher, opte pelas que possuem superfície lisa.

Leia também: http://www.expolazer.com.br/noticias_detalhe.asp?noticia_id=39763

Fonte: Primeira Página


Últimas notícias

Consumidores estão se entendendo melhor com os assistentes de voz

Pesquisa da Adobe mostra que consumidores norte-americanos estão mudando de opinião sobre o que a tecnologia de atendimento pode fazer.
Leia Mais

Senado aprova Projeto de Lei que amplia o Cadastro Positivo

O sistema funciona como um banco de dados que reúne informações sobre o histórico de crédito dos consumidores (pessoas físicas e jurídicas) e estabelece pontuações para quem mantém suas contas em dia.
Leia Mais

Dia Do Consumidor: 40% dos consumidores que fazem perguntas fecham compra

Atendimento ao cliente é decisivo na hora da conversão. Especialista dá dicas para otimizar o serviço e aumentar vendas.
Leia Mais