Inspirações

Gosta de pular de trampolim? Saiba como ter um na sua piscina

Gosta de pular de trampolim? Saiba como ter um na sua piscina

Hoje, o equipamento é mais acessível para se ter em casa. Porém, é preciso levar em consideração algumas questões, como o tamanho da piscina, sua profundidade e a área livre ao redor.

 

O trampolim é um dos acessórios mais clássicos de piscina e tem uma única função: a de potencializar grandes pulos e mergulhos. O equipamento apresenta restrições apenas a crianças muito pequenas, pelo fato de não terem ainda o equilíbrio e a coordenação motora necessários para o pulo. Já para adultos e crianças maiores, os saltos são livres.

Para instalar um trampolim não há segredos. Antes de tudo, fixe a base de ferro no chão. Depois, é só encaixar a prancha, que é feita, geralmente, de madeira ou fibra e revestida de um material antiderrapante. Por fim, termine de montar o brinquedo de acordo com as recomendações do fabricante.

As pranchas que dão impulso aos saltos têm, em média, de 1 a 3 metros de comprimento. Por isso, para garantir pulos com segurança, certifique-se de que a queda terá, no mínimo, 3 metros de profundidade em relação à água.

Também é importante observar qualquer tipo de deslize, por menor que seja, quando estiver caminhando na tábua para saltar do trampolim. Em caso de sensações escorregadias, entre em contato com o fornecedor e verifique o que pode ser feito para que o acessório volte a ser totalmente antiderrapante. Caso haja demora na solução do problema, interdite o trampolim para manter a segurança dos banhistas.

Outra dica é deixar o trampolim voltado para o sul, sudeste ou sudoeste, para evitar ofuscamento da visão. Isso porque o sol pode atrapalhar a visão de quem estiver se preparando para dar um pulo.

Por fim, lembre-se sempre de certos cuidados, tais como não correr para mergulhar e não permitir que mais de duas pessoas saltem ao mesmo tempo, por exemplo.

Manutenção

A manutenção dos trampolins não se limita apenas a apertar os parafusos. É preciso ficar atento à ferrugem de peças de metal e ferro e solicitar a troca imediata diretamente com fornecedores. Inclusive, essa atitude é bastante relevante para manter as peças originais do produto e garantir sua qualidade.

 

Fonte: Primeira Página.

 

Redes Sociais